Províncias

Bairro novo do Sumbe com escola primária

Victor Pedro |

Um total de 180 crianças de Actuco, um novo bairro que surgiu na zona mais a sul do município do Sumbe, já estudam em melhores condições, com a inauguração da primeira escola primária nesta parcela do Cuanza-Sul.

Mais crianças do Sumbe vão aprender a escrever
Fotografia: Victor Pedro | Edições Novembro

Denominada “28 de Agosto”, a escola, com oito salas de aula, inaugurada pelo governador provincial do Cuanza-Sul, Eusébio de Brito Teixeira, acolhe alunos que, durante alguns anos, estudavam em tendas.
A escola, construída num espaço de 100 metros quadrados, durante 120 dias, pela empresa angolana ArTimer, no quadro Programa de Investimentos Públicos (PIP), custou aos cofres do Estado cerca de 100 milhões de kwanzas.

O governador provincial do Cuanza-Sul  assegurou que a Educação é um dos sectores prioritários para as autoridades, tendo em conta o objectivo de se reduzir cada vez mais o número de crianças fora do sistema de ensino.
Em relação à escola recentemente inaugurada, Eusébio de Brito Teixeira avançou que a instituição vai funcionar em dois períodos, numa fase inicial, para depois que for restabelecida a energia eléctrica incluir o turno da noite. O governador provincial explicou que a população do bairro Actuco vivia em zona de risco, sem condições condignas para as crianças estudarem.
Eusébio de Brito Teixeira anunciou que, no âmbito do Programa do Governo, outras  infra-estruturas sociais vão ser construídas no novo bairro do Sumbe.
O governante pediu aos alunos, professores, encarregados de educação e às autoridades do bairro para  conservarem o bem pública ora inaugurado.  Eusébio de Brito Teixeira disse que as autoridades vão trabalhar para aumentar cada mais o número de salas de aulas, no sentido de permitir que, em breve, a localidade disponha de escolas do I e II ciclos do ensino primário e secundário.

Tempo

Multimédia