Províncias

Cidades do Sumbe e Gabela com dinheiro para as obras

Casimiro José | Sumbe

O governo provincial do Kwanza-Sul vai investir 51 milhões de dólares na segunda fase das obras de requalificação das cidades do Sumbe, Porto Amboim e Gabela, paralisadas há três anos, anunciou o vice-governador provincial para Área Técnica.

O governo provincial do Kwanza-Sul vai investir 51 milhões de dólares na segunda fase das obras de requalificação das cidades do Sumbe, Porto Amboim e Gabela, paralisadas há três anos, anunciou o vice-governador provincial para Área Técnica.
António da Gama Teixeira, que falava no encontro com os membros do Conselho de Auscultação e Concertação Social, esclareceu que vão ser feitas obras de micro e macro drenagem e de redes técnicas, de modo a criar condições favoráveis ao saneamento básico.
O governador Eusébio Teixeira salientou que, com a verba a ser disponibilizada brevemente, estão lançadas as bases para inverter o quadro desolador apresentado pelas cidades do Sumbe, Porto Amboim e Gabela e adiantou que os vários sectores da província devem reavaliar o projecto para se definirem as modalidades de realização das obras.
O impacto da crise financeira internacional, cujos reflexos se fizeram sentir no país, disse o governador, não permitiu à construtora Odebrecht prosseguir as obras em 2009, deixando a meio. Com a nomeação da nova equipa do governo do Kwanza-Sul, foi remetido ao chefe do Executivo um memorando sobre a situação e os constrangimentos que resultaram na paralisação das obras. Por despacho presidencial, o Ministério das Finanças foi autorizado a em conceder verbas para a conclusão das obras.

Tempo

Multimédia