Províncias

Criadas condições para o início das aulas

Casimiro José | Sumbe

O director provincial da Educação, Ciência e Tecnologia no Kwanza-Sul, António de Figueiredo Júnior, anunciou quarta-feira, na cidade do Sumbe, que as condições materiais, humanas e técnicas estão garantidas para o arranque do ano lectivo 2012 em toda a província.

O director provincial da Educação, Ciência e Tecnologia no Kwanza-Sul, António de Figueiredo Júnior, anunciou quarta-feira, na cidade do Sumbe, que as condições materiais, humanas e técnicas estão garantidas para o arranque do ano lectivo 2012 em toda a província. António Júnior, em declarações à imprensa, à margem da primeira sessão ordinária do governo provincial do Kwanza-Sul, assegurou que, para o presente ano lectivo, aberto quarta-feira em todo o paías, o processo educativo vai envolver, a nível da província, 502 ­escolas,11.700 professores e 310.­000 alunos dos vários subsistemas de ensino.
O responsável considerou de preocupante a falta de professores em diversas localidades, em função do investimento feito pelo Executivo em termos de construção de infra-estruturas escolares.

Tempo

Multimédia