Províncias

Deputados pelo círculo provincial satisfeitos com criação de empregos

Victor Pedro | Sumbe

Os deputados pelo círculo eleitoral da província do Kwanza-Sul ficaram satisfeitos com os projectos “Despontar” e “Angola Jovem” que estão a ajudar a juventude a entrar no mundo do trabalho e a desenvolver actividades desportivas nos seus tempos livres.

Província conta com novos mestres de artes e ofícios formados localmente
Fotografia: Dombele Bernardo

Os deputados pelo círculo eleitoral da província do Kwanza-Sul ficaram satisfeitos com os projectos “Despontar” e “Angola Jovem” que estão a ajudar a juventude a entrar no mundo do trabalho e a desenvolver actividades desportivas nos seus tempos livres.
A porta voz dos deputados, Maria Andrade Camilo manifestou esta satisfação no final da visita à Direcção Provincial da Juventude e Desportos onde o titular, Manuel de Nascimento Rosa da Silva,  informou os parlamentares sobre o funcionamento do sector e o trabalho que tem sido levado a cabo na província do Kwanza-Sul. 
 Os parlamentares tomaram conhecimento dos projectos “Despontar” e “Crédito Jovem” enquadrados no programa de apoio à juventude. O director Manuel de Nascimento Rosa da Silva deu a conhecer aos deputados as duas principais áreas do sector, a Juventude e o Desporto.
Manuel Nascimento informou que já foram disponibilizados ao “Crédito Jovem” mais de 450 mil dólares distribuídos por 66 cooperativas da província. A Direcção Provincial da Juventude e Desportos também distribui ferramentas a engraxadores, lavadores de carros, moto táxi, mecânicos, pedreiros e recauchutagens que estão a servir para os beneficiários desenvolverem as suas actividades, criando mais postos de emprego. />O director Manuel Nascimento está preocupado porque os serviços registam falta de quadros de recursos financeiros e transporte para as deslocações dos quadros e técnicos ao campo.
Os deputados visitaram um condomínio em construção para jovens, a Casa da Juventude e o campo de futebol Hoji ya Henda, cujas obras estão praticamente concluídas. Posteriormente foram informados do atraso das obras do condomínio para jovens, onde 34 moradias estão concluídas e as últimas 30 se encontram erguidas faltando os acabamentos. 
De acordo com empreiteiro, o que dificultou a conclusão das obras foi o estado do terreno e escavações para drenar as águas residuais e a rede eléctrica, mas assegurou que está para breve a sua entrega. No fim da visita, a deputada Maria Andrade Camilo reconheceu os esforços que têm sido desenvolvidos pelos responsáveis do sector e garantiu que foram anotadas as preocupações para depois serem levadas à consideração das autoridades competentes para a sua solução.
A deputada Maria Andrade Camilo disse que “o sector da juventude é chamado a responder aos desafios no sentido de manter a auto estima dos jovens e para reduzir os altos índices de pobreza, desemprego, delinquência e o desregrado uso do álcool”.

Tempo

Multimédia