Províncias

Educação recebeu "software" para gestão do ensino primário

Casimiro José | Sumbe

O Programa de Apoio ao Ensino Primário (PAEP), em cooperação com a UNESCO, entregou ontem, na cidade do Sumbe, à direcção provincial da Educação, uma base de dados para a gestão do ensino primário na província do Kwanza-Sul.

Direcção da Educação tem base de dados para melhorar processo de ensino e aprendizagem
Fotografia: João Gomes

O Programa de Apoio ao Ensino Primário (PAEP), em cooperação com a UNESCO, entregou ontem, na cidade do Sumbe, à direcção provincial da Educação, uma base de dados para a gestão do ensino primário na província do Kwanza-Sul.
O referido equipamento, cujos custos não foram revelados, permite a recolha, compilação e uniformização de dados dos alunos matriculados, a frequentar aulas, agrupá-los por sexo e escolas de forma automática, segundo o especialista de informática, Pedro Cipriano Massiala.
“O sistema está dotado de um ‘software’ muito inteligente e moderno, que permite a produção de relatórios mensais, trimestrais e anuais”, explicou Pedro Massiala, notando que o novo equipamento permite à área de estatística da delegação da Educação a inserção e consolidação dos dados referentes ao ensino primário, referentes aos anos 2008/2010.
O director provincial da Educação, Ciência e Cultura, Sabino Veríssimo, afirmou que essa inovação vem pôr fim a um sistema arcaico, em que a recolha de dados estatísticos era feita com base em modelos cujo processo era demasiado moroso, ao contrário do actual, que envolve as respectivas escolas.
Notou que “estamos perante uma inovação que vai facilitar a obtenção de dados fiáveis, num processo muito prático e de curta duração, cabendo a nós criarmos as condições que permitam as deslocações dos técnicos para as escolas implantadas nos municípios”.
Para realizar o processo automático de recolha de dados e produção de relatórios foram formados três técnicos, um número que pode aumentar à medida que o processo se for expandindo para os municípios.Além do Kwanza-Sul, as províncias de Benguela, Huambo, Bié, Huíla, Malange, Cunene e Namibe também beneficiam do Programa de Apoio ao Ensino Primário (PAEP).

Tempo

Multimédia