Províncias

Falta de chuvas está a preocupar os camponeses

Famílias camponesas da região do Sumbe, província do Cuanza Sul,  estão preocupadas com a  ausência de chuvas, uma realidade que pode retardar o início da campanha agrícola 2017/2018.

Fotografia: JAIMAGENS

Falando a propósito da preparação da campanha agrícola 2017/2018, o agricultor Júlio Bernardo disse que as famílias camponesas se mostraram preocupadas, pois  desde Janeiro que não chove na faixa do litoral.
Acrescentou que, caso a situação se mantenha nos próximos dias, a actividade agrícola estará comprometida.“Já gastámos dinheiro para a preparação da terra, mas as chuvas  não estão a cair”, frisou Júlio Bernardo

Escassez de alimentos

O soba da cooperativa do Cuacra, Carlos Paciência, manifestou-se também preocupado com a seca que se regista e adiantou que, caso a situação prevaleça, haverá o risco de escassez de alimentos, tendo em conta que  muitas famílias dependem da produção de milho e de outros produtos agrícolas.
“A chuva  está a falhar, mas temos esperança que a mesma possa cair a partir da segunda quinzena de Fevereiro e Março com regularidade”, sublinhou, para quem considera fundamental a produção interna para garantir o sustento de milhares de famílias que dependem essencialmente da actividade agrícola.

Tempo

Multimédia