Províncias

Fiscalizado transporte de pessoas e bens

Casimiro José | Sumbe

A Direcção Provincial do Cuanza Sul dos Transportes e Telecomunicações entregou licenças a 23 transportadores, sendo duas para rotas urbanas, 19 de transportes intermunicipais e duas para transporte de mercadorias, no quadro da normalização da viação e ordenamento do trânsito na província.

A Direcção Provincial do Cuanza Sul dos Transportes e Telecomunicações entregou licenças a 23 transportadores, sendo duas para rotas urbanas, 19 de transportes intermunicipais e duas para transporte de mercadorias, no quadro da normalização da viação e
Fotografia: Fernando Casimiro | Sumbe

O chefe de departamento dos transportes da direcção provincial, Faustino Cândido, considerou que o processo de licenciamento conheceu nos últimos tempos muita afluência, graças à imposição de regras por parte da Polícia de Viação e Trânsito, no sentido de persuadir os automobilistas a actuarem com legalidade.
“Os nossos balcões registam muita afluência dos utentes de viaturas que pretendem exercer a actividade de transporte de passageiros e mercadorias, porque a Polícia Nacional apertou o cerco aos que o faziam na ilegalidade”, disse.
Faustino Cândido anunciou que o processo de licenciamento das viaturas vai continuar para abranger todos os operadores de transporte de passageiros e de mercadorias e reconheceu que há ainda muito trabalho de sensibilização aos transportadores que teimam em exercer a actividade sem estarem legalizados.
“O processo de licenciamento começou há muito tempo, mas há ainda proprietários de viaturas que teimam em praticar o serviço de transporte de passageiros nas rotas urbanas e intermunicipais, sem que estejam legalizados. Vamos continuar a desenvolver campanhas de sensibilização para que todos trabalhem na legalidade”, disse. O chefe de departamento de transportes anunciou que estão licenciadas na província 97 viaturas na actividade de transportes urbanos, 35 táxis e seis para transporte de mercadorias.

Tempo

Multimédia