Províncias

Habitações para realojar deslocados construídas este ano no Waku Kungo

Manuel Tomás| Sumbe

A construção de 33 casas, no Waku Kungo, município da Cela, província do Kwanza-Sul, para realojar as populações que vivem na condição de deslocadas na fazenda Palmeira, começa antes do fim do primeiro trimestre deste ano.

A construção de 33 casas, no Waku Kungo, município da Cela, província do Kwanza-Sul, para realojar as populações que vivem na condição de deslocadas na fazenda Palmeira, começa antes do fim do primeiro trimestre deste ano.
O coordenador do projecto, Bartolomeu Sungulês, adiantou na quinta-feira, no Waku Kungo, que a edificação das residências está avaliada em três milhões de dólares e o projecto inclui uma área para a agricultura.
Recentemente, as entidades ligadas ao sector formaram cerca de 3.490 agricultores, aos quais foram distribuídas parcelas de terra na região da Zâmbia, localidade do município da Cela.

Projectos de desenvolvimento

O programa das autoridades provinciais reserva também a construção de unidades sanitárias e escolas no meio rural e é desenvolvido numa parceria com a Universidade Santa Cruz do Sul (Unisc) do Brasil.
Pretende-se que no período de cinco anos sejam criados mais de 50 mil novos postos de trabalho. A partir deste trimestre está previsto o início de um projecto de suinicultura na área da Zâmbia, investimento do grupo Probang, avaliado em 700 milhões de dólares, que vai absorver uma força de trabalho estimada em 520 trabalhadores.
A comuna do Condé, município do Ebo, está também contemplada com um projecto de produção de cana-de-açúcar e a implantação de uma fábrica de refrigerantes, com 2.150 funcionários e que vai ser tutelada pelo grupo Refriango, que desembolsa 82,3 milhões de dólares.
O município da Quibala vai dispor de um centro de saúde, estimado em 60 mil dólares.
O coordenador do projecto disse que está prevista a adequada formação de jovens e adultos, dentro dos padrões exigidos no mercado de emprego, nos níveis básico e médio. Prevê-se também a qualificação dos gestores no sector agrónomo e no processamento dos produtos agropecuários, com especialização em mestrado, na província ou no Brasil.

Tempo

Multimédia