Províncias

Hospital bem apetrechado

Casimiro José | Amboim

O centro de hemoterapia do Hospital Municipal do Amboim, na província do Cuanza Sul, está desde sexta-feira mais reforçado em consequência de uma doação de sangue feita por um grupo de 126 mulheres da Organização da Mulher Angolana (OMA).

A doação das senhoras da OMA a nível do município do Amboim está enquadrada nas actividades da jornada “Março Mulher” e visa contribuir para a minimização das carências que aquele centro enfrenta. O chefe do Centro de Hemoterapia do Hospital, Manuel da Silva, salientou que o gesto da OMA é uma acção bastante oportuna, por possibilitar que a unidade retome parte da sua capacidade de atendimento em questões de transfusões de sangue. “Estamos satisfeitos com esta acção da Organização da Mulher Angola pelo contributo na salvação de vida humana. Este gesto representa o amor e o carinho ao próximo e esperamos que outras instituições possam também dar o seu apoio neste sentido”, sisse.
As necessidades continuam e daí o apelo feito a outras forças da sociedade, quer colectivas, quer singulares, para que sigam o exemplo da organização feminina do MPLA.
Manuel da Silva adiantou que ultimamente as transfusões de sangue aumentaram significativamente, devido em parte aos elevados casos de acidentes de viação, o que exige que a instituição esteja preparada para responder às situações que aparecem.

Tempo

Multimédia