Províncias

Hospital da região do Ebo abre com novos serviços

Manuel Tomás | Ebo

O sector da Saúde do Ebo, na província do Kwanza-Sul, ganhou um novo impulso com a inauguração do hospital municipal que passa a contar com novos serviços de assistência médica e medicamentosa.

Novos serviços vão ajudar a diminuir dificuldades de assistência aos utentes do hospital
Fotografia: Manuel Tomás | Ebo

O sector da Saúde do Ebo, na província do Kwanza-Sul, ganhou um novo impulso com a inauguração do hospital municipal que passa a contar com novos serviços de assistência médica e medicamentosa.
O responsável da saúde no Ebo, José Manuel Albino, disse ontem ao Jornal de Angola que com a reabilitação do hospital, aumentou a sua capacidade de internamento de 20 para 50 camas.
O hospital conta com serviços de pediatria e cirurgia que antes não existiam. A falta de médicos foi apontada como o principal problema de momento, pois o Ebo tem apenas um especialista em clínica geral e 45 enfermeiros distribuídos pelas 12 unidade sanitárias do município.
Para colmatar o défice existente, referiu, são necessários mais cinco médicos de diferentes especialidades. O Governo Provincial ofereceu uma ambulância. O governador Serafim do Prado inaugurou o hospital e o novo palácio municipal. Construído no âmbito do Programa de Investimentos Públicos, o imóvel custou aos cofres do Estado mais de 100 milhões de kwanzas.
Na ocasião, Serafim do Prado disse que o Executivo traçou como meta a realização de obras em benefício da população, como a reparação das vias rodoviárias, edificação de casas sociais em todas os municípios, construção de sistemas de captação, tratamento e distribuição de água potável, energia eléctrica e outras acções de impacto social.

Tempo

Multimédia