Províncias

Incentivada a produção de trigo

Casimiro José | Cassongue

Os camponeses da vila municipal de Cassongue, no Cuanza Sul, foram, no domingo, chamados a redobrar a sua aposta na produção do trigo, com vista a contribuírem para o programa do Governo de diversificação da economia.

Camponeses têm recebido vários apoios para aumentarem a produção nas comunidades
Fotografia: João Gomes

O apelo foi feito pessoalmente pelo governador provincial, Eusébio de Brito Teixeira.
Ao falar num acto político de massas, na condição de primeiro secretário provincial do MPLA, o governador respondia a uma preocupação apresentada pelo administrador de Cassongue sobre a existência de 105 produtores de trigo locais que atravessam por várias dificuldades.
Segundo o administrador de Cassongue, os referidos produtores encontram enormes dificuldades, principalmente para o escoamento do produto no mercado, dai pedirem a intervenção do Governo Provincial.
Em resposta, Brito Teixeira salientou que o programa do Executivo de diversificação da economia contempla a produção em grande escala de bens que constituem a matéria-prima para as indústrias transformadoras.
Explicou que o referido programa atribui à região a missão de manufacturar mais para o funcionamento das indústrias, tendo em conta que o município de Cassongue tem o potencial de produzir trigo.
A produção de trigo, avança o governador do Cuanza Sul, pode ajudar a alavancar a economia local, mas também gerar rendimentos para as famílias. Brito Teixeira aconselhou as famílias camponesas a organizarem-se em associações e cooperativas, para que possam obter financiamentos dos vários programas em curso no país, através dos bancos comerciais. A par disso, o governante apelou também para a criação de gado bovino, caprino, suíno e avícola, como condição para se atingir a segurança alimentar.
Os camponeses da região, refira-se, têm recebido vários apoios para aumentarem a produção, no âmbito do programa do Executivo de combate à fome e pobreza.

Tempo

Multimédia