Províncias

Libolo com mais uma escola secundária

Casimiro José| Calulo

O governador provincial do Cuanza Sul, Eusébio de Brito Teixeira, inaugurou terça-feira a escola do II ciclo do ensino secundário de Calulo, município do Libolo, no quadro da jornada comemorativa do 39º aniversário da proclamação da Independência Nacional.

Novo estabelecimento de ensino do município do Libolo foi inaugurado no âmbito das festividades da Independência Nacional
Fotografia: Casimiro José| Calulo

O empreendimento, construído de raiz, comporta 12 salas de aulas. O director provincial da Educação, Ciências e Tecnologia, Francisco de Figueiredo Júnior, disse que com a entrada em funcionamento da nova escola, o Governo Provincial dá resposta às solicitações dos jovens que pretendem elevar o seu nível académico.
“O sector da Educação sente-se regozijado com a conclusão de uma obra que muita falta fazia na região e sentimos que os jovens que ansiavam aumentar os seus níveis de escolaridade encontram a sua preocupação respondida", disse, apelando aos responsáveis do sector, da Administração Municipal do Libolo e população em geral no sentido de velarem pela sua conservação, para que sirva as gerações presentes e vindouras.
Após o corte da fita, o governador Eusébio de Brito Teixeira afirmou que o Executivo dá prioridade, na sua agenda de governação, ao sector social, que incide directamente na vida das pessoas, e disse que na província os sectores da Saúde e da Educação alcançaram níveis satisfatórios, em termos de infra-estruturas. Eusébio de Brito Teixeira disse aos presentes que desde o alcance da independência Angola se tem afirmado nos mais variados domínios, com o sector da Educação a ganhar mais notoriedade. “O nosso país já somou muitas vitórias, principalmente no sector da Educação, onde os ganhos são inúmeros. Não obstante isso vamos continuar a trabalhar para respondermos aos anseios das populações, sobretudo da camada juvenil", frisou o governador Eusébio Teixeira, apelando aos jovens a empenharem-se mais nos estudos, para garantir o futuro do país. O acto de inauguração foi testemunhado por membros do Governo Provincial, da Administração Municipal do Libolo, responsáveis de distintas escolas sedeadas no município, alunos, autoridades tradicionais, pais e encarregados de educação e outros convidados.

Tempo

Multimédia