Províncias

Milhares de pessoas no Ebo beneficiam de água potável

Carlos Bastos| Ebo

As populações das comunas e aldeias dos municípios da Cela e Ebo, no Cuanza Sul, passaram,  desde a semana finda, a consumir mais água potável, com a instalação dos sistemas de captação e distribuição do produto, no âmbito do “Programa Água para Todos”, disse ontem o vice-governador provincial para o Sector Técnico e Infra-estruturas.

Sistemas estão acoplados com lavandarias
Fotografia: Francisca Bernardo

 António da Gama Teixeira disse que os sistemas de captação de água inaugurados representam todo um esforço das autoridades da província, no quadro da melhoria das condições de vida dos habitantes do meio rural.
Os sistemas combinados de captação e distribuição de água, acoplado de uma lavandaria cada, foram construídos pelas empresas Mitrelli e Fabicom, no quadro do Programa de Investimentos Públicos (PIP), do Governo Provincial. As infra-estruturas sociais vão beneficiar cerca de 9.230 habitantes distribuídos por comunas e aldeias.
“Vamos continuar a apoiar as populações, dando resposta a algumas das inquietações que mais preocupam as comunidades, sobretudo a saúde, educação, agro-pecuária e outras. O que pretendemos é o bem-estar das famílias”, disse o vice-governador para o sector Técnico e Infra-estruturas.  António da Gama Teixeira apelou aos habitantes das comunidades para preservarem os empreendimentos. A instalação dos sistemas de abastecimento de água, acrescentou,   melhora  a qualidade de vida das populações, que no passado eram obrigadas a consumir água do rio.
A população reconheceu o esforço do Executivo na criação de condições sociais que permitem uma vida melhor e solicitaram as autoridades a reverem a situação do fornecimento de energia eléctrica aos bairros, para a redução da criminalidade.
Os sistemas de captação de água foram instaladas nas localidades de Banza Kixocota, Kissecula, no município da Cela. No Ebo foram contempadas as regiões de Quitundo, Banza Cunda, Caquende Cunha e Capunda.

Tempo

Multimédia