Províncias

Novo mercado no Condé com melhores condições

Casimiro José | Ebo

Os habitantes da Comuna do Condé, no município de Ebo, no Cuanza Sul, ganharam domingo um mercado rural, com 63 bancadas, construído no quadro do Programa Municipal Integrado de Desenvolvimento Rural e Combate à Pobreza.

O mercado rural, inaugurado pela vice-governadora para o Sector Político e Social, Maria de Lourdes Veiga, foi construído em 90 dias e vai permitir a comercialização de produtos agrícolas em condições higiénicas e sanitárias seguras. É o primeiro mercado desta tipologia construído na localidade.
O administrador da Comuna do Condé, José Eduardo, disse na ocasião que a implantação do mercado na região responde aos anseios das vendedoras, pois a comuna liga os municípios da Quibala, Ebo e Amboim, registando maior concentração de vendedores e compradores. “Construímos o mercado rural nesta localidade por a considerarmos estratégica e por ser também uma paragem obrigatória de todos quantos se desloquem dos municípios situados no extremo norte ao Sul da Província do Cuanza Sul. />" O administrador da Comuna do Condé disse que com o funcionamento do novo mercado, os produtos agrícolas produzidos na região, como cereais, tubérculos, frutas e legumes   vão ser vendidos dentro dos "padrões modernos".
A vice-governadora para o Sector Político e Social, Maria de Lourdes Veiga, considerou "oportuna" a inauguração do mercado rural, na medida em que vai satisfazer as necessidades das populações na aquisição e venda de produtos agrícolas. 
"O Governo Provincial vai continuar a trabalhar em prol da melhoria das condições de vida das populações", sublinhou, apelando para a necessidade de conservação do mercado.Membros do Governo Provincial, da administração municipal e uma caravana de mulheres militaresas participaram do acto de inauguração.

Tempo

Multimédia