Províncias

Parteiras tradicionais em formação

Casimiro José |Sumbe

Cerca de 30 parteiras tradicionais da comuna do Quicombo, município do Sumbe, província do Kwanza-Sul, estão mais apetrechadas em matéria de cuidados primários de saúde, depois de terem frequentado, no último fim-de-semana, um seminário sobre a enfermagem materno-infantil.

Cerca de 30 parteiras tradicionais da comuna do Quicombo, município do Sumbe, província do Kwanza-Sul, estão mais apetrechadas em matéria de cuidados primários de saúde, depois de terem frequentado, no último fim-de-semana, um seminário sobre a enfermagem materno-infantil.
O encontro, promovido pela administração comunal de Quicombo, abordou temas relacionados com as doenças respiratórias e diarreicas agudas e infecções da pele, com o objectivo de transmitir às parteiras tradicionais metodologias a adoptar para dar resposta às exigências actuais e à utilização correcta dos materiais disponibilizados pelo Ministério da Saúde.
O chefe de secção municipal da Saúde, Francisco Joaquim, em representação do administrador municipal, considerou que o evento se enquadra na estratégia do sector em estender a rede sanitária a todas as localidades da municipalidade e promover o acesso aos cuidados sanitários nas comunidades, através da construção de postos e centros de saúde.
Francisco Joaquim defendeu que a utilização correcta de kits constitui uma das prioridades, com vista a realização de partos seguros nas comunidades. O administrador comunal em exercício, José da Graça Silvestre, louvou o trabalho desenvolvido pelas parteiras tradicionais nas aldeias e bairros da região.

Tempo

Multimédia