Províncias

População da Regedoria do Quindundo com mais uma infra-estrutura sanitária

Valter Gomes | Bembe

Um posto médico, construído de raiz, foi inaugurado, no sábado, na regedoria do Quindundo, município do Bembe.

Autoridades locais apostam na diminuição dos índices de mortalidade
Fotografia: Jornal de Angola

Um posto médico, construído de raiz, foi inaugurado, no sábado, na regedoria do Quindundo, município do Bembe.
A nova infra-estrutura sanitária, devidamente apetrechada, tem uma sala de internamento, com capacidade para cinco camas, e uma outra de partos, um consultório, farmácia e balneários.
O administrador municipal chamou a atenção da população sobre a importância de preservarem o património colocado à sua disposição, que vai minorar as várias dificuldades que a afecta. José Alberto lembrou ser necessário que os habitantes de Quindundo construam latrinas, currais, pocilgas e capoeiras para se evitarem várias doenças causadas pelo incumprimento de medidas adequadas.
O administrador incentivou os agricultores a aumentarem a produção de alimentos, recordando que Kindundo dispõe de terrenos férteis para o desenvolvimento da agrícultura.
A administração municipal, anunciou, vai disponibilizar, em Setembro, máquinas de lavoura aos agricultores organizados em associações.  “É bom que todos se associassem para beneficiar do projecto”, disse.
O regedor adjunto afirmou que o novo posto de saúde vai proporcionar assistência médica e medicamentosa a cerca de 2.400 habitantes.
 “A unidade fazia muita falta, obrigando-nos a percorrer mais de 17 quilómetros para recebermos assistência médica”, disse Domingos Sousa, lembrando que os doentes em estado grave eram levados em tipóias, até à sede comunal do Lucunga, situação que provocava a morte de alguns pelo caminho.

Tempo

Multimédia