Províncias

Postos do registo e notariado mais próximos dos cidadãos

Casimiro José | Cassongue

O posto do registo civil e notariado no município de Cassongue, na província do Cuanza Sul,  está a registar uma considerável afluência
de pessoas que desejam efectuar o registo de nascimento e tratar dos Bilhetes de Identidade e do registo criminal, devido à entrada em vigor do programa de massificação dos serviços gratuitos.

Registo gratuito permitiu que mais pessoas tenham acesso ao serviço de identificação
Fotografia: Casimiro José | Cassongue

O responsável-adjunto dos serviços de registo civil no município de Cassongue, António Oliveira Samandulo, disse ao Jornal de Angola que em 2013 o posto de registo civil no município atendeu 1.001 pedidos de registo de nascimento e 139 solicitações de assentos de nascimento, adiantando que com a entrada em vigor do programa de massificação dos registos gratuitos e curso no país, a afluência pode aumentar no ano corrente.
 “Com a entrada em vigor do registo gratuito, pretendemos alcançar um número maior de cidadãos que solicitam assentos de nascimento, quer adultos como crianças, todos querem aproveitar a oportunidade durante a vigência do programa de massificação dos
serviços de registos”, frisou o responsável-adjunto dos serviços de registo civil do município.

Tempo

Multimédia