Províncias

Saúde preventiva reforçada na região

Casimiro José | Sumbe


Comunidades da província do Cuanza Sul passam a contar com mais programas de prevenção de doenças, através de campanhas de educação para a saúde, nomeadamente sobre os riscos da automedicação, e realização de testes voluntários de VIH/sida, no âmbito do programa “Saúde sustentada, comunidade desenvolvida”, lançado no Sumbe pela Associação para o Resgate, Preservação e Promoção dos Valores Morais (ARPPVM).

O presidente de direcção da ARPPVM, Carlos Paulino, disse que o programa vai contar com o apoio das autoridades tradicionais, líderes comunitários, entidades religiosas e representantes das organizações estudantis nas comunidades, criando núcleos que vão dedicar-se à identificação de casos que afectam as comunidades e apresentarem às instituições ligadas à saúde.
Carlos Paulino disse tratar-se de uma iniciativa que apoia os esforços das administrações municipais e comunais para que a saúde preventiva se torne uma realidade no Cuanza Sul. Ela vai incidir também na promoção de boas práticas alimentares, saneamento básico e defesa do meio ambiente, bem como da elevação do espírito de solidariedade nas comunidades.
 A chefe de departamento provincial da saúde pública e controlo de endemias, Maria Lussinga Secúndua, disse que “o projecto vem preencher a lacuna, por isso vamos apoiar com meios à nossa disposição”.

Tempo

Multimédia