Províncias

Técnicos de escolas formados no Sumbe

Funcionários administrativos de instituições escolares do município do Sumbe, na província do Cuanza-Sul, desenvolveram em seminário conhecimentos sobre a informatização dos documentos.

Serviços administrativos das escolas melhoram prestação
Fotografia: Victor Pedro |Edições Novembro | Sumbe

O seminário, realizado na escola 14 de Abril do Sumbe, teve como objectivos garantir celeridade e estética na produção de documentos, segurança e sustentabilidade da base de dados dos ficheiros informáticos das escolas, bem como conhecer os riscos que os meios cibernéticos expõem aos utilizadores.
Durante cinco dias, os participantes debateram temas relativos à gestão de arquivos e ficheiros, criação e formatação de textos nos aplicativos do Office, como Word e PowerPoint, criação de pauta, facturas, gráficos no Excel e higiene no trabalho.
Os participantes concluíram que os arquivos e ficheiros informáticos devem ser organizados em pastas e subpastas e os documentos que contêm informações confidenciais devem estar protegidos, para que não serem violados. As listas e pautas devem ser elaboradas no Excel e não no Word, como habitualmente algumas escolas têm feito, e o uso correcto dos aplicativos requer conhecimento dos comandos e ferramentas.
Os cuidados a ter com os meios cibernéticos, tendo em conta as vantagens que oferecem e desvantagens que podem pôr em risco a saúde dos utilizadores, foram igualmente analisados pelos participantes, que se comprometeram a aplicar os conhecimentos adquiridos.
Os prelectores recomendaram que os funcionários continuem a actualizar os conhecimentos, pois a informática é um campo da tecnologia em constante evolução.
Os participantes à formação receberam igualmente conselhos sobre a protecção dos computadores com antivírus, evitando a conexão de dispositivos sem garantia de segurança.
Victor Pedro | Sumbe

Tempo

Multimédia