Províncias

Violência doméstica foi tema de palestra

Casimiro José | Wako Kungo

A violência doméstica constitui o principal factor da desestabilização das famílias, sobretudo nas sociedades angolanas, disse ontem, no Wako Kungo, o superintendente da Polícia Nacional Américo Fernandes.

Acções de violência devem ser denunciadas
Fotografia: Jornal de Angola

A violência doméstica constitui o principal factor da desestabilização das famílias, sobretudo nas sociedades angolanas, disse ontem, no Wako Kungo, o superintendente da Polícia Nacional Américo Fernandes.
O oficial, que falava numa palestra sobre “violência doméstica” promovida pelo departamento de crimes contra pessoas da direcção provincial de Investigação Criminal do Kwaanza-Sul, afirmou que apenas a tomada de consciência de homens e de mulheres pode acabar com a situação.
Temos de tomar consciência, referiu, que o diálogo é a única via a adoptar pelas famílias em detrimento de discussões que apenas agravam a situação e que muitas vezes, embora causadas por uma coisa simples, nos levam a crimes graves.
A aprovação da Lei contra a violência doméstica pela Assembleia Nacional, disse, é um desencorajamento de acções violentas nas famílias e os prevaricadores devem ser denunciados.

Tempo

Multimédia