Províncias

Festa animada deixa crianças felizes

Nilza Massango |

Dezenas de crianças brincaram, jogaram, cantaram e dançaram ontem em Luanda numa festa animada, realizada na Piscina do Alvalade, em comemoração do Dia 1 de Junho, numa iniciativa do Comité Central do MPLA.

Secretário-geral do MPLA Paulo Kassoma conviveu com crianças na piscina do Alvalade
Fotografia: João Gomes | Edições Novembro

Para prestigiar a festa, esteve presente o secretário-geral do MPLA, Paulo Kassoma, que em breves palavras falou da importância desse tipo de convívio com crianças e familiares. A festa foi realizada em especial para os filhos dos trabalhadores da sede do partido MPLA.
A Piscina do Alvalade esteve decorada à altura das crianças, com balões, brinquedos e todos os enfeites que fazem os pequenos pularem de alegria, além dos doces, sumos, pipocas, gelados, algodão doce e o tão desejado “cachorro quente”.
Na festa houve a dança das cadeiras, poesia, teatro do grupo Julu, que fez um apelo ao combate à violência e qualquer tipo de abuso contra a criança. Pedrito do Bié, menino que sempre encanta com as suas músicas, cantou, chamando a atenção das crianças para a preservação do património da nossa cidade, das escolas, ruas, parques infantis e para higiene e limpeza.
Houve ainda a competição de natação, na qual o vencedor foi uma criança da equipa 1º de Agosto, a actuação do cantor infantil Gegé Kuya Bué, e a animação musical do cantor Puto Prata, com as suas bailarinas espectaculares. Houve o momento do corte do bolo e a entrega de presentes às crianças vencedoras dos concursos e jogos.  Chris Watunga, de sete anos, foi uma das muitas crianças que ficaram felizes com a festa que lhe proporcionou bons momentos ao lado da mãe, Ângela Watunga. “Meu nome é Chris, com H, e eu gostei mais da piscina”, disse a menina, que frequenta a segunda classe, no colégio Vereda das Flores.

Prioridade absoluta

 O Secretariado do Bureau Político (BP) do MPLA considera a criança prioridade absoluta, porque representa o futuro da Nação angolana, pelo que vai continuar  a estimular a realização pelo Governo de acções para o reforço do seu ambiente de vida, de protecção e de desenvolvimento.
Numa declaração por ocasião do Dia Mundial da Criança, assinalado ontem, o BP do MPLA saúda as crianças de todo o Mundo e, de forma muito especial, as angolanas e respectivas famílias, núcleo fundamental de educação das novas gerações.
 Nesta data de profunda reflexão, refere a declaração, o MPLA reitera o seu compromisso de continuar a promover uma política de atendimento à criança em idade pré-escolar, em especial as portadoras de deficiências, as vítimas de maus-tratos, de negligência, de exploração e abusos sexual, moral, social e psicológico e as que estejam em conflito com a lei.
 Através de programas exequíveis de protecção, que promovam a sua educação multifacetada, o MPLA continua  a prestar uma atenção especial às crianças desprovidas de cuidados e do convívio familiar, garantindo o fomento de actividades infantis nas comunidades, no quadro da sua protecção, sobrevivência e desenvolvimento e para combater a violência contra si, refere a documento.
O MPLA defende a implementação, em Angola, de modernas instituições de reintegração social da criança, tanto públicas como privadas, vocacionadas ao atendimento permanente às crianças e adolescentes em risco e que desenvolvam programas de ocupação dos seus tempos livres, evitando o seu descaminho ou a procura de outras formas não aconselháveis para a sua diversão.
 Na declaração, o partido maioritário garante que continua  a dedicar uma atenção diferenciada à criança superdotada, estimulando a adopção de práticas de ensino para a sua orientação vocacional e patriótica, valorizando o seu potencial de conhecimento, que, no seu devido tempo, é bastante útil para o desenvolvimento do País.

Tempo

Multimédia