Províncias

Formação de jovens garante mais emprego

Um total de 615 jovens que frequentaram vários cursos profissionais em 2013 na Lunda-Norte passou a fazer parte do mercado de trabalho, informou o governador.

Governo Provincial centralisa as suas atenções nos problemas que afligem à juventude
Fotografia: Jornal de Angola

Ernesto Muangala, que falava no acto dos cumprimentos de fim de ano, disse terem sido realizadas várias outras acções de formação profissional, sobretudo no domínio de empreendedorismo, o que permitiu assegurar o primeiro emprego a muitos jovens. No período destinado ao diálogo juvenil, prosseguiu, foram realizados vários encontros de auscultação à juventude, o que deu lugar ao Fórum Nacional. Para um melhor enquadramento deste vasto grupo da sociedade, houve um alargamento da rede escolar de formação média e superior, para tornar possível aumentar e melhorar a sua capacidade técnica.
Durante o seu discurso, o governador alertou para a necessidade de serem incrementadas medidas contra o consumo excessivo de substâncias como álcool e drogas, que afectam o desenvolvimento dos jovens, uma vez que a sua ingestão tem várias consequências, como as agressões físicas, além de motivar outros casos reprováveis. Depois de considerar a juventude a principal riqueza de qualquer sociedade, reiterou o compromisso de continuar a apoiar os jovens empreendedores, para que possam criar negócios e contribuir para o crescimento económico da província e do país em geral.
Além da melhoria de oportunidades de emprego, recordou que o programa do Governo Provincial prevê o alargamento da oferta de habitação, através do programa de auto-construção dirigida, em resposta às preocupações apresentadas durante os encontros com a juventude. Além disso, estão a ser desenvolvidos estudos para consolidação e alargamento do Bairro Social da Juventude, cujo projecto conta, na Lunda-Norte, com 32 casas concluídas, 20 das quais já habitadas, das 92 previstas
Ernesto Muangala garantiu que vai continuar a trabalhar no sentido de incentivar o desenvolvimento de talentos e disse acreditar que a província dispõe de condições para lutar por um futuro mais promissor. 

Tempo

Multimédia