Províncias

Reservas de sangue reforçadas no Uíge

Oitenta e cinco jovens, dos quais 50 provenientes da província de Luanda, membros da Brigada Jovens Solidários (BJS), doaram igual número de bolsas de sangue ao banco de reservas da hemoterapia do Hospital Geral do Uíge (HGU).

Casos de transfusão são resolvidos com mais facilidade
Fotografia: Mavitidi Mulaza | Uíge |Edições Novemvro

Actividade enquadrada nas comemorações do centenário da cidade do Uíge.
O secretário executivo da BJS no Uíge, Dinis Alberto, disse que com a mobilização feita aos jovens do Uíge e de Luanda foi possível depositarem 42,5 litros de sangue naquela dependência da hemoterapia do HGU, quantidade que vai ajudar a resolver problemas de transfusões imediatas.
É um acto de solidariedade enquadrado nos festejos dos 100 anos de elevação do Uíge à categoria de cidade, co-organizado com o Comité Nacional da BJS, que permitiu mobilizar jovens dadores da província de Luanda.
Fernando Davoka, proveniente de Luanda, sublinhou que aderiu ao acto de doação de sangue à hemoterapia do Hospital Geral do Uíge por estar convencido de que o gesto vai ajudar a salvar vidas e contribuir para o reforço das reservas sanguíneas naquela unidade hospitalar.
“Sair de Luanda para o Uíge não constituiu um sacrifício para mim, mas sim um acto de solidariedade que vai ajudar a salvar vidas e contribuir para que esta unidade sanitária tenha sangue disponível para solicitações pontuais”, disse.
Laurinda dos Santos, outro membro da BJS no Uíge, sublinhou  que está disponível para participar em campanhas de doação de sangue. 

Tempo

Multimédia