Províncias

Lunda-Norte: 23 moto-táxis e cinco viaturas foram apreendidas pela Polícia

Vinte e três motorizadas usadas para o exercício de actividade de táxi foram apreendidas pela Polícia Nacional (PN) nos últimos três dias, no município de Lucapa, província da Lunda Norte, por desobediência ao Decreto Presidencial que impede a circulação das mesmas.

Fotografia: DR

De acordo com o comandante municipal da Polícia Nacional no Lucapa, José Cando, os proprietários dos meios serão penalizados com multas de acordo com o estipulado na lei, acrescentando que no mesmo período foram igualmente apreendidas cinco viaturas pelas mesmas razões.
O comandante apela a população a cumprir as medidas decretadas no Estado de Emergência, sem necessidade da intervenção policial, visando a sua própria protecção contra o Covid-19.
Por seu turno, a administradora municipal de Lucapa, Maria Muagita, apelou às empresas de exploração diamantíferas a observarem as medidas de prevenção, evitando a lotação de autocarros que transportam os trabalhadores, como aconteceu nos últimos dois dias.
Exortou as empresas a colaborarem com as autoridades na vigilância dos trabalhadores em quarentena domiciliar, evitando que os mesmos rompam o isolamento, antes do prazo determinado de 14 dias.
Maria Muagita solicitou a estas empresas a disponibilizarem, no âmbito das suas responsabilidades sociais, material de biossegurança às comunidades circunvizinhas.
O número de cidadãos em quarentena domiciliar e institucional na província da Lunda-Norte é de 39 dos quais 25 estão radicados no município de Lucapa.

Tempo

Multimédia