Províncias

Lunda-Sul: Resgatados três corpos de vítimas de afogamento

Flávia Massua| Saurimo

O Serviços de Protecção Civil e Bombeiros em Saurimo, província da Lunda-Sul, resgatou três corpos em estado de putrefacção, de quatro pessoas que morreram afogadas no rio Luachimo, durante uma cerimónia de baptismo realizada há cerca de duas semanas, no bairro Nhama, por um pastor da Igreja Pentecostal "Amor de Deus".

Fotografia: DR

O chefe do Gabinete de Comunicação Institucional e Imprensa do Ministério do Interior, Vitorino Wangunua , disse que entre as vítimas mortais estava uma menor de três anos, acrescentando que ainda está por se resgatar mais um corpo cujas buscas continuam.
O porta-voz do Serviço de Investigação Criminal (SIC), António Sacuaia, fez saber que o pastor, que desenvolvia as actividades ilegalmente, está em fuga, cujas diligências para o deterem foram intensificadas. Entretanto, no dia do incidente, o SIC deteve um diácono e a sua esposa por terem sido também protagonistas da actividade.

Por seu lado, o Gabinete Provincial da Cultura encerrou o templo e anunciou que a igreja foi multada por exercício ilegal da actividade religiosa.
De Janeiro a Junho deste ano, 14 pessoas morreram pelas mesmas causas nos rios Luachimo, Mombo, Muangueji, e nas lagoas de Camaloa e Luar, situados em zonas suburbanas da cidade de Saurimo.

Tempo

Multimédia