Províncias

Chitato tem mais escolas

Isidoro Samutula | Dundo

A administração do município do Chitato, província da Lunda-Norte, construiu no ano findo mais uma escola do segundo ciclo com oito salas de aulas e outra primária com três salas.

Construídos vários empreendimentos
Fotografia: Benjamim Cândido

A administração do município do Chitato, província da Lunda-Norte, construiu no ano findo mais uma escola do segundo ciclo com oito salas de aulas e outra primária com três salas.
Marcelino Chissupa, administrador municipal, que falava ontem ao Jornal de Angola, disse que foram realizadas várias acções nos sectores da educação, agricultura, pesca e comércio.
Prevê-se para breve a conclusão do edifício da administração municipal, a construção do posto policial do bairro Camatundo e a implementação de 10 sistemas de captação de água.
Estão em curso no município a construção do centro de saúde do bairro Caxinde, duas escolas primárias com quatro salas de aulas nos bairros Camaquenzo-1 e Quilómetro 15. A instalação de sistemas de sinalização rodoviária e a realização da feira agrícola constam igualmente projectos para o presente ano.
A administração do Chitato programou ainda para este ano a construção de uma escola de alfabetização com três salas de aulas e um posto de saúde no Carinhenga. Marcelino Chissupa sublinhou que na comuna de Lóvua foram realizadas campanhas de vacinação e entregues lotes de medicamentos aos postos de saúde.
Segundo o administrador do Chitato, no domínio habitacional foram criados cerca de 3.000 lotes na reserva fundiária de Samacaca, dos quais 614 já foram entregues aos requerentes.

Tempo

Multimédia