Províncias

Emissão do BI chega ao interior

João Silva| Dundo

O processo de emissão de bilhete de identidade informatizado vai chegar este mês aos municípios de Cambulo, Xá-Muteba e Cuango, província da Lunda-Norte, anunciou o chefe interino da Identificação Civil e Criminal, Manuel Baptista.

População deixa de percorrer longas distâncias para tratar o documento na sede provincial
Fotografia: Eduardo Pedro

O processo de emissão de bilhete de identidade informatizado vai chegar este mês aos municípios de Cambulo, Xá-Muteba e Cuango, província da Lunda-Norte, anunciou o chefe interino da Identificação Civil e Criminal, Manuel Baptista.
O responsável explicou que nos municípios de Cambulo e Xá-Muteba vão ser criados postos móveis e um posto fixo no Cuango. “Com essa medida a população vai deixar de percorrer longas distâncias até à cidade do Dundo para tratar o bilhete de identidade”, disse.
Actualmente, disse, o processo de emissão do bilhete de identidade é feito nos municípios de Chitato e Lucapa, localidades que registam grande aderência.
 “O processo de emissão do novo bilhete de identidade na Lunda-Norte continua a registar níveis aceitáveis de atendimento de cidadãos que procuram obter o principal documento de identificação pessoal”, frisou Manuel Baptista.
Acrescentou que em média os serviços de Identificação Civil e Criminal na Lunda-Norte recebem por dia 70 pedidos tanto para a emissão do novo BI como para a renovação.Manuel Baptista, que afirmou haver um “rigoroso controlo” da documentação apresentada pelos cidadãos para evitar falsificações, assegurou que desde o início do processo, em Novembro de 2009, foram emitidos 14.242 novos bilhetes informatizados.O Jornal de Angola soube que no início do processo registaram-se muitas reclamações dos cidadãos pela morosidade da entrega do BI, mas actualmente a situação está ultrapassada.

Tempo

Multimédia