Províncias

Ensino no Chitato proibiu propinas

A Direcção da Educação na Lunda Norte suspendeu a cobrança de valores pecuniários para efeito de matrículas e pagamento de propinas mensais, prática recorrente em estabelecimentos escolares do ensino geral no município do Chitato.

Fotografia: Jaimagens

Em declarações sábado à Angop, na cidade do Dundo, Dias Sapalo precisou que a medida é de cumprimento obrigatório para as instituições públicas, reconhecendo a gratuitidade do ensino a este nível.

Tempo

Multimédia