Províncias

Governador pede um empenho maior aos novos administradores municipais

Victorino Matias | Dundo

O governador da Lunda-Norte, Ernesto Muangala, pediu, no Dundo, o reforço do acompanhamento ao Programa de Municipalização dos Serviços Integrados de Saúde e Educação por parte das administrações locais.

O governador da Lunda-Norte, Ernesto Muangala, pediu, no Dundo, o reforço do acompanhamento ao Programa de Municipalização dos Serviços Integrados de Saúde e Educação por parte das administrações locais.
Durante a tomada de posse de novos administradores municipais adjuntos, Ernesto Muangala afirmou que um esforço suplementar deve ser feito no saneamento básico dos municípios, com grande densidade populacional, como Chitato, Cambulo, Cuango e Lucapa. O governador Ernesto Muangaladisse que, dessa forma, as autoridades vão dar passos seguros no combate à malária e na prevenção da ocorrência de surtos de outras enfermidades, como a cólera. O governador espera que a província não registe situações idênticas às do ano findo, em que houve surtos de cólera e um elevado número de casos de malária aguda, nos municípios de Lucapa e Cuango, com várias vítimas mortais. />Ernesto Muangala referiu que as administrações municipais têm orçamentos anuais que garantem a melhoria dos serviços médicos e medicamentosos gratuitos, mas é preciso trabalhar-se mais na área de saneamento básico.  O governador da Lunda-Norte, Ernesto Muangala, afirmou que o Executivo vai prosseguir os esforços para o aumento da capacidade do sistema de ensino, de modo a atender ao crescimento da população em idade escolar na província.
O governador Ernesto Muangala anunciou que vão ser reabilitados os principais estabelecimentos do ensino primário e do primeiro ciclo da cidade do Dundo e arredores, com destaque para as escolas do Recinto dos Cavalos, do bairro Sul, da Missão e da localidade de Muanguvo. Vão ainda ser construídas quatro escolas pré-fabricadas para o ensino primário, com oito salas cada, nos bairros onde existe um grande número de crianças em idade escolar, segundo o governador.

Tempo

Multimédia