Províncias

Obras do aeroporto em fase conclusiva

Isidoro Samutula | Dundo

O Governo Provincial da Lunda Norte está a trabalhar para  o orçamento das obras de reabilitação do aeroporto do Dundo ser enquadrado numa linha de crédito externo, disse, na cidade do Dundo, o vice-governador provincial para os Serviços Técnicos e Infra-estruturas.

As obras do aeroporto do Dundo estão paralisadas desde o mês de Dezembro e têm sido visitadas por membros do Executivo
Fotografia: Domingos Cadência

Lino dos Santos, que falava em alusão ao 4 de Abril, Dia da Paz e da Reconciliação Nacional, considera que a solução do assunto, que até a nível central tem sido amplamente debatido, passa pelo recurso à um financiamento externo em virtude da situação económica que o país atravessa.
A reabilitação do aeroporto do Dundo constitui   prioridade do governo, devido aos constrangimentos que os habitantes da província enfrentam na deslocação à capital do país, sendo  obrigados a irem à cidade do Saurimo, a cerca de 300 quilómetros, para conseguirem viajar de avião, disse Lino dos Santos.
O vice-governador provincial sublinhou que as obras do aeroporto, paralisadas em Dezembro do ano passado, estão com uma execução   muito adiantada, com previsão da sua conclusão ainda este ano, caso haja disponibilidade financeira.
A nível da província, Lino dos Santos disse que  é possível constatar grandes mudanças, principalmente no sector das infra-estruturas rodoviárias e na edificação de vários projectos habitacionais. O vice-governador provincial afirmou que a Lunda Norte é a província com maior malha rodoviária reabilitada, destacando a reconstrução da Estrada Nacional 180, que liga as cidades do Dundo e de Saurimo, com cerca de 300 quilómetros.
O responsável provincial destacou ainda a Estrada Nacional 225, com 540 quilómetros, que sai do Dundo para os municípios da região Sul da província da Lunda Norte, passando pelo Lovua, Cuilo, Caungula e Cuango, terminando no município do Xá-Muteba.
O vice-governador destacou igualmente a reabilitação em curso da Estrada Nacional 180-A, que liga o município do Chitato ao Cambulo, e a Estrada Nacional 170, que parte da comuna do Camaxilo, no município do Caungula, ao Lubalo, permitindo, desta forma, a ligação de todos os municípios por terra.

Outras intervenções


Para este ano, avançou que está em curso o processo de adjudicação das empreitadas, através da linha de crédito da China, para a reabilitação de estradas entre a comuna do Xinge, município do Capenda Camulemba, à sede do município do Lubalo e o troço Cuango, que passa pela vila do Cafunfu até a comuna do Luremo. No sector habitacional, o vice-governador provincial da Lunda Norte realçou o subprograma de 200 fogos que a província beneficiou em oito municípios, que está a permitir maior assentamento dos quadros em várias localidades, situação que constituía um grande problema no passado.
Para as comemorações do dia da paz, anunciou que vai ser inaugurada a primeira fase do subprograma de 200 fogos nos municípios de Lucapa, Cambulo e Cuilo, com 50 casas cada, e 80 outras habitações em Capenda Camulemba.

Tempo

Multimédia