Províncias

População de Ndalatando marcha pela saúde pública

Ndalatando, capital do Kwanza-Norte, foi ontem palco de uma marcha pública destinada à mobilização da sociedade para a importância da preservação do ambiente, cuidados a ter com o lixo e outros resíduos sólidos e promoção da saúde, como formas de prevenir doenças.

População promove campanha de limpeza
Fotografia: Jornal de Angola

Ndalatando, capital do Kwanza-Norte, foi ontem palco de uma marcha pública destinada à mobilização da sociedade para a importância da preservação do ambiente, cuidados a ter com o lixo e outros resíduos sólidos e promoção da saúde, como formas de prevenir doenças.
 A marcha, promovida pela Direcção Provincial da Saúde em parceria com a empresa “SHS”, percorreu várias artérias de Ndalatando e bairros periféricos, onde foram igualmente promovidas campanhas de limpeza e mobilização dos cidadãos para a deposição do lixo em locais certos.
Em declarações à Angop, a promotora da marcha e coordenadora do projecto de saúde da empresa “SHS” no município de Cazengo, Melissa da Mota, disse que a  manifestação visou alertar a população para a importância do saneamento básico.
 Melissa da Mota informou que a realização da marcha contou com a colaboração dos supervisores de campo e agentes comunitários de saúde, na mobilização dos cidadãos. Os técnicos e supervisores de saúde integram a equipa do projecto “Agentes Comunitários de Saúde” que está a ser aplicado em 13 bairros do município de Cazengo, desde Outubro de 2011.
 Os técnicos estão incumbidos de acompanhar e garantir toda a informação em matéria de saúde pública e prevenção de doenças a 150 famílias do bairro ou comunidade onde residem.

Tempo

Multimédia