Províncias

Professores aprendem técnicas pedagógicas

Victorino Matias | Dundo

Professores das escolas do ensino primário, I e II ciclo da Lunda Norte participaram num seminário de técnicas pedagógicas com o objectivo de actualizarem os conhecimentos académicos.

Professores do primeiro nível actualizaram os conhecimentos sobre técnicas pedagógicas
Fotografia: Benjamim Cândido|Dundo

Durante o referido seminário foram abordados temas relacionados com o perfil do professor, o exercício da profissão, pauta deontológica da função pública, lei de bases do Sistema Educativo, planos de aulas e sistema de avaliação das aprendizagens.
Foram ainda analisadas questões como as actividades extra-escolares, metodologias do ensino e aprendizagem, três pilares da educação, ensino especial, alfabetização e escola amiga das crianças.
A orientadora da acção formativa, Palmira Selepo, esclareceu que as matérias abordadas permitem criar bases aos docentes para melhorarem a qualidade de ensino, conhecerem melhor os conteúdos, assim como interiorizar novos planos de estudos, programas, manuais e o sistema de avaliação.
A pedagogia constitui, explicou a responsável, uma das teorias de ensino e da actividade docente, baseadas no respeito pelo ritmo e evolução da aprendizagem dos alunos. Nesse sentido, alertou os formandos para a necessidade de assimilarem os temas em abordagem para dignificarem o sector, tendo em conta a sua responsabilidade na formação do Homem. A vice-governadora da Lunda Norte para o sector Político e Social, Angélica Nené Ihungo, disse que a melhoria da educação e ensino está associada à qualidade de formação dos profissionais do sector, assim como ao seu empenho na transmissão de conhecimentos aos estudantes.
Angélica Nené Ihungo considerou a formação metodológica e pedagógica dos docentes uma das condições fundamentais para melhorar a qualidade do ensino e acompanhar o desenvolvimento da ciência e das novas tecnologias.
A reforma educativa, esclareceu, tem a finalidade de melhorar a qualidade de ensino no país, através da elaboração de um conjunto de documentos normativos, entre os quais o sistema de avaliação das aprendizagens.
Angélica Nené Ihungo pediu, ainda, a realização de encontros contínuos para discutir temas de interesse pedagógico, de forma a contribuir para a melhoria da qualidade de ensino e aprendizagem.
A vice-governadora disse ser necessário que os responsáveis dos vários níveis do sector da educação na província se convertam em verdadeiros líderes, determinantes e exemplares no exercício das suas actividades, para se alcançarem as metas de desenvolvimento humano na região.

Tempo

Multimédia