Províncias

Retomada distribuição da merenda escolar

As autoridades do município do Chitato, na província da Lunda-Norte, retomaram ontem, na localidade do Calumbia, o Programa de Distribuição de Merenda Escolar aos alunos de  algumas instituições locais de ensino, depois de ter sido suspenso há três anos por razões financeiras.

Alunos no município do Chitato voltaram a ter lanches gratuitos
Fotografia: Arão Martins| Edições Novembro

A administradora municipal-adjunta do Chitato, Helena Sapalo, explicou que se pretende, com o Programa de Merenda Escolar,  incentivar a assiduidade, combater a tendência ao absentismo, favorecer o desenvolvimento cognitivo e estimular o rendimento escolar nos alunos. “Com a retomada deste programa acreditamos que teremos  bons resultados no fim do ano lectivo nas escolas abrangidas”, disse.
Helena Sapalo informou que, nesta primeira fase , a merenda vai beneficiar 1.800 alunos de doze escolas seleccionadas pela Administração Municipal até ao final do ano lectivo.  Entre as escolas  escolhidas, figuram as de Calumbia, Samunhinga, Ritenda Caita, Cajamba, Salianuma, Samacaca, Dundo Central, 4 de Abril, Escola Nº 7 do Chitato, Ensino Especial e a escola anexa à Igreja do Bom-Deus. “Nesta primeira fase, para a  distribuição de lanches às doze escolas seleccionadas no Chitato, vão ser  desembolsados 51 milhões e 840 mil Kwanzas”,  informou  a responsável.
 O programa é executado por duas empresas fornecedoras de produtos alimentares, que foram apuradas através de um concurso público.
A merenda, de acordo com a administradora adjunta, passa a ser distribuída duas vezes por semana, às segundas e sextas-feiras. “A retomada da merenda escolar é uma resposta  ao cumprimento dos onze compromissos da criança em idade escolar”, disse Helena Sapalo.

Tempo

Multimédia