Províncias

Seguro de viaturas com fraca adesão

A obrigatoriedade do seguro de viaturas não está a ser acatada por muitos proprietários de automóveis na província da Lunda-Norte, disse, ao Jornal de Angola, o gerente local da Empresa Nacional de Seguros de Angola (ENSA).

A obrigatoriedade do seguro de viaturas não está a ser acatada por muitos proprietários de automóveis na província da Lunda-Norte, disse, ao Jornal de Angola, o gerente local da Empresa Nacional de Seguros de Angola (ENSA).
Desde o início do processo, em curso em todo o país, só cerca de 300 viaturas foram asseguradas na província, afirmou Paulo Camisa.
Quando começou o processo, em 9 de Fevereiro, referiu, registou-se grande afluência, mas passadas duas semanas a adesão passou a ser fraca.
Essa pouca adesão, sublinhou, “não se deve à tarifa em vigor, mas ao facto de alguns utentes desconhecerem a importância e os benefícios do seguro”.
A ENSA, em parceria com a Direcção Provincial de Viação e Trânsito, continua com as acções de esclarecimento sobre a importância do seguro automóvel.
Ao abrigo da lei, todas as vitauroas em Angola devem estar asseguradas. O valor anual a pagar depende da classe do veículos. Viaturas como autocarroes ou jipes pagam maais do que os  turismos. 

Tempo

Multimédia