Províncias

Universidade cria condições para os docentes

Armando Sapalo | Dundo

O reitor da Universidade Lueji A’Nkonde (ULAN) anunciou que vão ser criados mecanismos para que os docentes residentes na Lunda-Norte possam concorrer à aquisição de apartamentos na nova centralidade do Dundo, cujas obras já estão concluídas.

Fotografia: Site da Instituição

“Com a nova centralidade, muitos quadros jovens vão ter maior motivação para vir trabalhar aqui”, sublinhou Samuel Carlos Vitorino, garantindo que a Reitoria vai desenvolver um trabalho para, na fase de comercialização dos apartamentos, os professores universitários poderem ser contemplados.
Em declarações ao Jornal de Angola, durante a visita de uma delegação da Universidade Lueji A’Nkonde à nova centralidade, o reitor reconheceu que a principal dificuldade que a instituição enfrenta, para atrair quadros para a província, é a falta de residências.
“Com o surgimento de um projecto habitacional, com a dimensão da centralidade do Dundo, a reitoria da Universidade Lueji A’Nkonde, em coordenação com as estruturas centrais do Ministério do Ensino Superior, vai estar em condições de convidar mais docentes para trabalharem aqui”, sublinhou.
Considerada um dos maiores projectos habitacionais do país, a nova centralidade do Dundo possui 419 prédios e 504 apartamentos, para receber 30 mil famílias.

Tempo

Multimédia