Províncias

Vias secundárias do Dundo em reabilitação

Armando Sapalo | Dundo

A circulação rodoviária na cidade do Dundo fica facilitada com a reabilitação das vias secundárias e terciárias que dão acesso à zona periférica da cidade, garantiu ontem, na capital da Lunda Norte, o governador provincial, durante uma visita para avaliar as obras.

Governador provincial da Lunda Norte visitou as obras rodoviárias e diz estar satisfeito com o trabalho dos empreiteiros
Fotografia: Benjamim Cândido | Dundo

Ernesto Muangala defendeu  o melhoramento do acesso às novas infra-estruturas sociais construídas na cidade do Dundo, para conferir maior segurança e conforto à circulação de pessoas e automóveis.
O governador provincial da Lunda Norte destacou a importância das obras de asfaltagem em curso da via que liga a cidade ao distrito urbano do Mussungue, que permite um acesso tranquilo a vários empreendimentos, tais como o Pavilhão Multiusos, o estádio Sagrada Esperança, a central térmica, a estação de tratamento de águas residuais, a captação de água do Luachimo, a escola primária e do primeiro ciclo do Muanguvo e  o Instituto Médio Politécnico 28 de Agosto.
Trata-se de um troço de dois quilómetros reabilitado pela empresa de construção Omatapalo, com incidência para a asfaltagem, construção de valas de drenagem das águas pluviais, lancis, passeios e espaços verdes, esclareceu o governador provincial.  Ernesto Muangala manifestou  satisfação pelo andamento das obras de asfaltagem e pelo cumprimento rigoroso dos prazos estabelecidos para a conclusão da empreitada, cujo término está agendado para Maio próximo. />
Obras em curso

Além da reabilitação das infra-estruturas rodoviárias, outros projectos estão a ser desenvolvidos na cidade do Dundo, no âmbito dos programas de desenvolvimento económico e social da província, sendo que algumas obras estão concluídas e entram em funcionamento brevemente. Ernesto Muangala garantiu que a província da Lunda Norte vai mostrar a Angola e ao mundo os esforços do Executivo na luta pela modernização das suas instituições, com o objectivo de melhorar a qualidade dos serviços públicos prestados à população.
A título de exemplo, Ernesto Muangala apontou a construção dos edifícios que vão albergar o Comando Provincial da Polícia Nacional, Serviços de Investigação Criminal, Protecção Civil e Bombeiros, Caixa de Segurança Social das Forças Armadas Angolanas, delegação das Finanças e da Comissão Nacional Eleitoral.
O governador provincial referiu a centralidade do Dundo, que recebe os primeiros moradores e que aguarda a inauguração formal, condicionada pela conclusão das obras de reabilitação do aeroporto do Dundo.

Tempo

Multimédia