Províncias

Antigos militares recebem subsídios

Kamuanga Júlia|Saurimo

O Distrito de Recrutamento e Mobilização (DRM), na Lunda-Sul, iniciou ontem, o pagamento de subsídios a 2.600 ex-militares das Forças Armadas Angolanas FAA, cadastrados em 2015 na província.

Depois de passarem à reforma os militares têm direito a um subsídio mensal
Fotografia: João Gomes | Edições Novembro

Sem avançar o valor global, o chefe do DRM, José Quitamba, sublinhou que um sargento-maior recebe um subsidio de  233 mil kwanzas, um primeiro-sargento161mil kwanzas, enquanto que um segundo-sargento recebe 135 mil kwnzas, e igual quantia para um terceiro-sargento.
Foi criado um único posto de atendimento nas instalações do DRM situado no centro da cidade de Saurimo, onde cada  beneficiário deve comparecer com a respectiva documentação comprovativa.
Na sessão de abertura do acto, testemunhado por membros do Governo provincial, o governador em exercício, Evanderson Caputo, aconselhou os beneficiários a gerirem com responsabilidade o dinheiro recebido, criando pequenos negócios a fim de garantir o sustento das suas famílias.
Satisfeito com o que recebeu, Francisco Txipengue disse que o gesto demonstra sacrifício e amor à pátria empreendido ao longo da Luta Armada e de Libertação Nacional e prometeu investir o dinheiro na agricultura para aumentar a produção na sua fazenda.
A beneficiária Esperança Baptista garantiu gastar os valores na construção de uma casa para os filhos.  

Tempo

Multimédia