Províncias

Autoridades locais apostam no repovoamento florestal

João Salvo | Saurimo

O Instituto de Desenvolvimento Florestal (IDF) preparou cerca de 15 mil plantas diversas para apoiar os pequenos agricultores no quadro do relançamento da fruticultura e repovoamento florestal e contrapor a acção dos ventos e outros transtornos ambientais.

Instituto florestal preparou milhares de plantas para apoiar os pequenos agricultores
Fotografia: Jornal de Angola|

O chefe da brigada do IDF na Lunda-Sul, Afonso Maquecha, disse que além da distribuição gratuita de frutícolas, o plano contempla igualmente a criação de centros e escolas de formação profissional em todos os municípios para criar uma cultura ambiental e incentivar o consumo de frutas.
O responsável disse que com a reflorestação pretende-se também potenciar a produção de madeira e projectar o incentivo da cultura de plantas ornamentais, sobretudo nos espaços urbanos.
Nos últimos quatro anos, a actividade do IDF ganhou enorme visibilidade com a plantação faseada nas zonas que circundam a cidade de Saurimo e com a sensibilização das comunidades para o fim do abate indiscriminado de árvores.

Tempo

Multimédia