Províncias

Centenas de crianças vacinadas na Lunda Sul

Flávia Massua| Saurimo

A segunda fase da campanha de vacinação contra a poliomielite e rotavirus, que arrancou sexta-feira e terminou domingo, na província da Lunda Sul, abrangeu um universo de 104 mil crianças menores de cinco anos, anunciou o director da Saúde na província.

Proíbido desperdiçar doses de vacinas
Fotografia: Dombele Bernardo

Costa Maria Samuquinda disse que o Programa Alargado de Vacinação (PAV) preparou 122.800 doses, ministradas por 256 equipas, integrando vacinadores, mobilizadores, supervisores e outros intervenientes, para uma cobertura global estimada em 95 por cento.
A campanha, lançada pelo governador provincial em exercício, João Fucungo, englobou a rotavirus, que representa uma inovação na estratégia da Organização Mundial da Saúde (OMS), para combater a diarreia, uma das principais causas de morte em crianças no país. João Funcungo salientou que a empreitada custou avultado investimento. “Cada dose desperdiçada significa prejuízos na economia nacional", referiu o governador em exercício.

Tempo

Multimédia