Províncias

Criadas as condições na Lunda-Sul para a abertura do ano lectivo 2010

Flávia Massua | Saurimo


 O director provincial da Educação da Lunda-Sul, António Muvundeno, garantiu ontem, em Saurimo, existirem condições para a abertura do ano lectivo 2010. 


 O director provincial da Educação da Lunda-Sul, António Muvundeno, garantiu ontem, em Saurimo, existirem condições para a abertura do ano lectivo 2010, a 1 Fevereiro, inicialmente com 1.554 professores, dos 2.054 programados, 636 salas de aula, para 130 mil alunos matriculados, do ensino básico ao superior.  
Em termos comparativos, o sector conta, para este ano lectivo, com mais 20 mil alunos em relação ao período anterior, graças à construção de 514 novas salas de aula, contra 119 anteriormente existentes.
 O responsável elogiou o empenho dos professores, responsáveis pela transição de 103.744 alunos, o que corresponde a 99 por cento de aproveitamento, e a introdução da quinta classe, pela primeira vez, no ensino primário. 
 
Professores do ensino primário /> 
Professores do ensino primário do município de Saurimo aperfeiçoam conhecimentos, em seminário ministrado por formadores locais, organizado pelo sector da Educação, a fim de melhorarem a sua prestação durante o ano lectivo que arranca a 1 de Fevereiro.
 Dotar os 530 professores de conhecimentos em torno do currículo escolar e proporcionar a oportunidade para a readaptação de docentes transferidos para o ensino primário, por força da reforma educativa vigente, são também objectivos do seminário, programado para cinco dias.
Eduardo Calamba, com 18 anos de docência, sublinha a importância do seminário, considerando-o uma oportunidade “para relembrar o que foi esquecido”, a fim de garantir uma formação equilibrada dos futuros responsáveis e dirigentes do país.

Tempo

Multimédia