Províncias

Inalação de produto desconhecido provoca desmaio de muitos alunos

Camuanga Júlia | Saurimo

Um grupo de 20 alunas das escolas do primeiro ciclo José Luembe e 22 de Novembro, situadas no bairro Luavur, na periferia da cidade de Saurimo, província da Lunda-Sul, foram levadas de emergências para o hospital central da cidade, na sequência da inalação de um produto desconhecido.

Dezenas de estudantes foram ao hospital
Fotografia: Camuanga Júlia | Saurimo

Um grupo de 20 alunas das escolas do primeiro ciclo José Luembe e 22 de Novembro, situadas no bairro Luavur, na periferia da cidade de Saurimo, província da Lunda-Sul, foram levadas de emergências para o hospital central da cidade, na sequência da inalação de um produto desconhecido.
De acordo com Yava Kawika, director da escola do primeiro ciclo José Luembe, as alunas tiveram manifestações de alergia e desmaios, provocados pela fricção de folhas colhidas de uma trepadeira sobre carteiras de uma das salas. O pânico, acrescentou, tomou conta dos alunos, numa altura em que os Serviços de Protecção Civil da Lunda-Sul accionaram medidas de evacuação e segurança no local, para aliviar a situação.
“Procedeu-se à detenção, mediante denúncias, de um dos suspeitos pela fricção de folhas colhidas de uma trepadeira nas carteiras de uma das salas, com o propósito de gerar sofrimento aos colegas”, reforçou Yava Kawika. Em função do sucedido, o director da escola José Luembe convocou os encarregados de educação para um esclarecimento sobre esta situação e avançou a possibilidade do acusado ser expulso, caso se prove o seu envolvimento.

Tempo

Multimédia