Províncias

Instituto Politécnico abre curso de mestrado

Kamuanga Júlia|Saurimo

O Instituto Politécnico (ISP), afecta à Universidade Lueji  a Nkonde (ULA), na Lunda-Sul, criou o curso de Mestrado em Desenvolvimento Sustentável e Gestão Ambiental, no qual estão matriculados 109 alunos.

Instituto adstrito à Universidade Lueji a Nkonde amplia a formação
Fotografia: Arão Martins | Edições Novembro

Com a duração de dois anos, o curso é ministrado por seis professores angolanos e cubanos.
O decano da Universidade Lueji  a Nkonde, Carlos Yoba, disse, no acto de abertura,  que o curso de mestrado  corresponde aos anseios da sociedade angolana, “ao mesmo tempo que constitui uma das molas impulsionadoras para o desenvolvimento sustentável da província”. Carlos Yoba pediu à Reitoria da Universidade para atingir as metas traçadas para os próximos cinco anos, e aos mestrandos encorajou-os a dedicarem-se “para vencerem as barreiras no decurso da formação”.
O governador da Lunda-Sul, Ernesto Kiteculo, considerou que a formação    eleva os créditos da Universidade. “Os formandos devem-se empenhar em concluir com bom aproveitamento e consequentemente fazerem frente aos desafios que se apresentem”. 
Satisfeitos com a iniciativa da  Universidade Lueji  a Nkonde, os mestrandos Jonas Quissongo e Nelson Muiuca acham que o  curso vai incentivar os licenciados da província a prosseguirem os estudos, pois muitos pararam porque tinham de se deslocar, por conta própria, para outros lugares do país distante  para fazerem o mestrado.

Tempo

Multimédia