Províncias

Línguas nacionais em escolas locais

Kamuanga Júlia | Saurimo

A inserção das línguas nacionais no sistema normal de ensino foi quinta-feira saudada, na cidade de Saurimo, província da Lunda-Sul, pelo director da escola do II ciclo S. Kizito, Manuel Muliule.

Em declarações ao Jornal de Angola, Manuel Muliule referiu que as línguas representam um papel fundamental na sociedade e permitem o resgate de valores culturais de cada região. Defendeu a capacitação de professores em matérias metodológicas para facilitar o processo de transmissão aos alunos.
Manuel Muliule lamentou a atitude de muitos jovens que ignoram a sua origem, apegando-se ao fenómeno da globalização.
Os jovens Anacleto Celestino e Cláudio Fonseca consideraram “importante” a introdução de línguas nacionais no sistema de ensino e pediram maior dedicação dos alunos dos diferentes estabelecimentos de ensino.
Por outro lado, as ruas dos bairros Txizaínga, Kawazanga, Terra Nova, Santo António, Luavur e Kandembe, nos arredores de Saurimo, começaram a ser asfaltadas para facilitar a circulação de pessoas e viaturas. A empreitada, que compreende mais de 30 quilómetros, está a ser executada pela empresa chinesa SINOHIDRO, num período de 18 meses, com o custo de 20 milhões de dólares.

Tempo

Multimédia