Províncias

Mais professores comunitários na região

O chefe da Repartição Municipal da Educação de Cacolo (Lunda Sul), Isaías Alberto Sapalanga, anunciou a entrada de mais de três dezenas de professores comunitários, para suprir as vagas existentes nas zonas longínquas.

A qualidade de ensino e aprendizagem a nível do município, acrescentou, está a conhecer um desenvolvimento significativo. O recrutamento surgiu de uma iniciativa da Direcção Provincial da Educação, Ciência e Tecnologia, pelo facto de, nos últimos tempos, se registar a ausência de professores, sobretudo nas comunidades rurais.
Os docentes leccionam apenas no ensino primário, tendo em conta os seus níveis académicos.
O município conta actualmente com 191 professores, para cerca de 11.233 alunos matriculados no presente ano lectivo.
O município de Cacolo, que dista 145 quilómetros da capital da província da Lunda Sul (Saurimo), tem cerca de 76.400 habitantes e três comunas, Alto Chicapa, Chassende e  Cucumbi.

Tempo

Multimédia