Províncias

Medidas para melhorar gestão de rede sanitária na Lunda-Sul

Adão Diogo| Saurimo

O  ministro da Saúde, José Vieira Dias Van-Dúnem, defendeu em Saurimo, Lunda-Sul, a tomada de medidas que simplifiquem os critérios de acesso à assistência médica e que estas venham concorrer para a melhoria da gestão da rede sanitária.

O  ministro da Saúde, José Vieira Dias Van-Dúnem, defendeu em Saurimo, Lunda-Sul, a tomada de medidas que simplifiquem os critérios de acesso à assistência médica e que estas venham concorrer para a melhoria da gestão da rede sanitária.
Estas medidas, diz o governante, ajudam a restituir a confiança das pessoas em relação aos serviços sanitários e garantem o sucesso do programa de combate às grandes endemias e doenças negligenciadas levado a cabo pelo Governo.
José Van-Dúnem disse que a malária, a tuberculose e o VIH/Sida carecem de atenção especial, daí sugerir a adopção de medidas preventivas e de acompanhamento para se reduzir a mortalidade materno-infantil e a incidência de doenças negligenciadas, como a oncocercose.
O ministro realçou ainda a necessidade dos maridos aconselharem mais as esposas para que estas possam fazer um acompanhamento médico regular, em especial no decurso da gravidez, e aos programas de vacinação, combate ao paludismo, à anemia e à desparasitação.
Durante a sua visita de 72 horas à província da Lunda-Sul, o governante tem programado proceder à abertura de um seminário regional sobre vigilância epidemiológica, indo ainda realizar encontros com responsáveis do MINARS, Educação, Finanças, Emprego e Segurança Social, Gabinete de Estudos e Planeamento, administradores municipais e com funcionários da Saúde.

Tempo

Multimédia