Províncias

Programa de água debatido na Lunda-Sul

Flávia Massua | Saurimo

O vice-governador para a área técnica e infra-estruturas considerou que a garantia de vida saudável às populações, passa pela disponibilidade integral de água captada e distribuída com qualidade.

O vice-governador para a área técnica e infra-estruturas considerou que a garantia de vida saudável às populações, passa pela disponibilidade integral de água captada e distribuída com qualidade.
 António Teixeira, falava durante o encerramento de um seminário em Saurimo, capital da província da Lunda-Sul, sobre o “Programa Nacional de Distribuição de Energia, Água e Saneamento Rural”, que decorreu no Clube 17 de Setembro.
O vice-governador salientou que ao potenciar os gestores municipais e comunais do país com matérias ligadas à água, energia e saneamento, “estamos a cumprir um dos Objectivo do Milénio que é erradicar a fome e a pobreza no seio das comunidades”.
Os participantes ao encontro apresentaram os diferentes problemas vividos nas suas áreas de jurisdição e manifestaram a sua disposição de continuar a trabalhar para o bem-estar dos cidadãos. Afonso Baptista, o prelector, disse que o seminário visa recolher contribuições de actores locais sobre a realidade de cada província, afim de executar os projectos e permitir que o Banco Africano de Desenvolvimento e o Executivo procurem formas de financiamento para o sucesso do programa. O director provincial do sector de Energia e Águas, Júnior Tito Kassongo, assegurou que o progresso dos três projectos pilotos em curso nalgumas localidades da Lunda-Sul, vão propiciar a sua implantação noutras áreas.

Tempo

Multimédia