Províncias

Projecto pesqueiro sem ração há meses

A falta de uma fábrica de ração na comuna do Mona-Quimbundo tem dificultado o desenvolvimento do projecto de piscicultura na província da Lunda Sul.

Citado pela Angop, o chefe de departamento de pescas da Direcção Provincial da Agricultura e Desenvolvimento Rural, Carlos Fazenda, disse que por falta de divisas há dois meses que não se importa ração. Os peixes estão a ser alimentados por algas e pelo processo de fotossíntese. “Sem ração, o peixe não se desenvolve”, lamentou.

Tempo

Multimédia