Províncias

Protecção Civil e Bombeiros apoiam famílias desalojadas

João Salvo |Saurimo

Os Serviços de Protecção Civil e Bombeiros da Lunda-Sul (SPCBLS) apoiaram com bens diversos 188 famílias sinistradas pelas chuvas, das 727 registadas durante o primeiro trimestre deste ano, revelou ontem, em Saurimo, o chefe de secção de estudo, informação e análise da instituição, Xavier Maquemba.

Os Serviços de Protecção Civil e Bombeiros da Lunda-Sul (SPCBLS) apoiaram com bens diversos 188 famílias sinistradas pelas chuvas, das 727 registadas durante o primeiro trimestre deste ano, revelou ontem, em Saurimo, o chefe de secção de estudo, informação e análise da instituição, Xavier Maquemba.
 Constam dos bens distribuídos, arroz, farinha de milho, feijão, óleo alimentar, sabão, cobertores, roupa usada, chapas de zinco e tendas. As enxurradas provocaram o desabamento de 335 casas nos bairros de Cauazanga, Camitundo, Santo António, Candembe, Chicumina, Verde e Luavur, todos na cidade de Saurimo, sede da província.
No domínio de incêndios, a província notificou 24 ocorrências, reflexo da negligência, curto-circuito, fuga de gás e fogo posto. Os danos materiais provocados por esses incêndios estão orçados em mais de 2,557 milhões de kwanzas.
A corporação prestou ainda 224 socorros, traduzidos em resgates de vítimas de acidentes/afogamento e removeu dois cadáveres.

Tempo

Multimédia