Províncias

Tocoístas contra o alcoolismo

João Salvo |Saurimo

Fieis da Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo no Mundo, em Saurimo, marcharam pelas artérias da cidade contra o consumo de álcool e drogas na sociedade e sobretudo na juventude.

Fieis da Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo no Mundo, em Saurimo, marcharam pelas artérias da cidade contra o consumo de álcool e drogas na sociedade e sobretudo na juventude. Os líderes religiosos pretendem com esta acção reduzir transtornos de comportamento que afectam o equilíbrio das famílias e põem em perigo o futuro de muitos jovens. O representante da igreja tocoísta na província da Lunda-Sul, João Baptista Catoio, esta manifestação representa “uma advertência à população para abandonar o consumo de bebidas alcoólicas, por contribuírem para a prática de violência doméstica” .
“Quando a pessoa bebe muda de consciência e comete crimes, às vezes muito graves”, referiu João Baptista Catoio no final da manifestação, que juntou 500 fiéis e culminou com uma exortação aos vendedores do mercado municipal, para acatarem a mensagem, a favor do bem-estar de todos.
Para um dos promotores da luta contra as drogas, director provincial da Juventude e Desportos, Aníbal Janota, a iniciativa da Igreja Tocoista enobrece o seu trabalho porque “é sabido que o consumo excessivo de bebidas alcoólicas está associado a inúmeros problemas que afectam a sociedade com realce para o suicídio, violência doméstica e acidentes de viação” . 

Tempo

Multimédia