Províncias

Mais casas no Cuvango

Vinte casas sociais construídas no âmbito do projecto de 200 fogos habitacionais por município foram concluídas no município do Cuvango, na província da Huíla, e serão entregues este ano aos beneficiários.


Em declarações à Angop, o administrador municipal do Lubango, Miguel Luís, salientou que as residências fazem parte da primeira fase do projecto iniciado em 2014, que contemplaria 40 casas, cifra que não atingida por questões técnicas e orçamentais.
“Estamos agora a trabalhar para a distribuição das casas que já estão prontas, cuja prioridade vai para funcionários públicos, com 70 por cento, e outros 30 por cento destinados aos jovens”,explicou

Habitação na Cahama

Um conjunto habitacional de 100 casas sociais do tipo T3 foi inaugurado na semana finda, na Cahama, província do Cunene, pelo vice-governador para a esfera Económica, António Candeeiro.
Erguidas  por oito empresas angolanas de construção civil, num período de seis meses, as habitações custaram ao Estado 543 milhões e 473 mil kwanzas.
No acto inaugural, António Candeeiro disse que a entrega destas habitações, que fazem parte da segunda fase de construção dos 200 fogos habitacionais por município, reflecte o compromisso assumido pelo Executivo em melhorar as condições de vida das populações.
As moradias foram construídas em duas comunas, sendo 72 em Cahama e 28 em Otchindjao.

Tempo

Multimédia